Veja os melhores Comentários do Forum do Small Caps
Escolha abaixo as ações que deseja consultar

terça-feira, 7 de abril de 2020

Cosern (CSRN)

Recomendações
 
  
Códigos de Negociação
Tipo
CSRN3; CSRN5; CSRN6


Balanços
A2019/4T2019 - DFP de 31/12/19

Características
Serviço Público de Distribuição de Energia Elétrica
  
Apresentações
18/02/2020 - Dados Financeiros - Press-release 

Classificação das Agências de Risco
S&P Global
  




18/02/2020 - Dados Financeiros - Press-release 


17/02/2020 - Demonstracoes Financeiras - DFP de 31/12/19

162065 - edbmsev -  02 Jan 2013, 13:47
Recentemente, comentei sobre a Cosern, que apresenta bons fundamentos mas tem uma multa trabalhista bilionária não provisionada (1,3 bilhão de reais, por terceirização supostamente ilegal de serviços).

Hoje, apareceu uma ordem grande no book de vendas da empresa, pelo preço de 10 reais cada ação.

Se está caro ou barata depende do resultado da ação em tela. A Cosern é uma das distribuidoras do Grupo Neoenergia, juntamente com Coelba e Cepe.

A Neoenergia também tem ativos de geração, mas o grupo somente é negociado no mercado de balcão e não há negócios há muito tempo.

161942 - marcelio2 -  31 Dez 2012, 03:05
A Cosern, por exemplo, perdeu uma ação trabalhista bilionária na Justiça ref. a terceirização de serviços, no qual ainda cabe recurso mas não há provisão feita no balanço. Vale ou não a pena aceitar um risco desta natureza?

A Cosern está com situação muito parecida com a Eletropaulo, pois ambas foram condenadas em ações bilionárias. Resta saber se essa condenação, trará a mesma reação do mercado a Cosern que trouxe a Eletropaulo que viu suas ações dispararem em duas semanas de mais 35%. Imaginem se ela tivesse saído vitoriosa no processo? Enquanto isso, a Eletrobrás que logrou êxito inicia no processo para receber mais 1Bi, andou de lado no mesmo período. Vai entender o mercado...

161938 - edbmsev -  30 Dez 2012, 23:44
Há ainda outras empresas do setor elétrico que podem ser cobiçadas por seus múltiplos atrativos, como é o caso da Cosern, mas que também implicam na aceitação de riscos de difícil precificação por parte do investidor.

A Cosern, por exemplo, perdeu uma ação trabalhista bilionária na Justiça ref. a terceirização de serviços, no qual ainda cabe recurso mas não há provisão feita no balanço. Vale ou não a pena aceitar um risco desta natureza?

28266 - tota57 - 15/Fev/2010 13:10
citação: FOCKINKTOTA..ou alguém que tenha informação:::
Analisei algumas elétricas e cia. de saneamento e me chamou um pouco a atenção os núemros da COSERN (em especial o resultado do 4T09)...me parece uma empresa razoável...Até quando vai a concessão desta empresa?? Existe algum ponto desfavorável desta empresa??
Fockink,
Cosern, Celpe e Coelba são as distribuidoras do Neonergia, controlada pela Previ, Banco do Brasil e a espanhola Iberdrola. Em 2008 o Neonergia ganhou a concessão para construção de uma usina de 350MW no Paraná, na ultima licitação de leilão A5 para energia nova. No momento o Neonergia esta num dos consórcios que concorrerão à Usina de Belo Monte, associado à Andrade Gutierrez, Vale, Votarantim e Eletrobrás (a Eletrobrás estará presente em qualquer consorcio que for criado).
No mercado há especulações de que o Neonergia será um dos grupos consolidadores do setor elétrico, mas há quem diga que ele vai ser comprado pela Camargo Correa. Recentemente essa notícia foi amplamente divulgada na mídia nacional, aventando a possibilidade do Governo Federal ter dado sinal positivo para a Camargo Correa criar uma SuperElétrica, que controlaria 33% do mercado nacional.
A concessão da Cosern deve terminar proximo de 2030, não lembro com precisão o ano. A maior parte das distribuidoras privatizadas tem concessões vencendo entre 2027 e 2030.
As 3 empresas estão um brinco, o problema é a que o Neoenergia não divide o bolo, ou seja, o free-float das empresas é muito pequeno. Quem sabe eles resolvem fazer um IPO do Neonergia e repartem um pouco com a gente.

Um comentário:

Anônimo disse...

A concessão da COSERN vence em 2027.